Mad Max Estrada da Fúria, já está causando polêmica!

18/05/2015 01:20

Ativistas pelos direitos dos homens reclamam de feminismo em Mad Max: Estrada da Fúria

Resultado de imagem para mad max 2015FOTO/ REPRODUÇÃO INTERNET

Você sabia que existe uma pequena associação de "ativistas pelos direitos dos homens"? Pois é, o MRA (Men's Rights Activists) acredita que os homens estão em perigo (!) por causa das do avanço feminino rumo à igualdade de gêneros. Eles querem manter os homens sozinhos na liderança, e não estão nada contentes com a mensagem enviada pelo filme Mad Max: Estrada da Fúria.

"O problema não é o feminismo ter infiltrado e cooptado Hollywood, arruinando praticamente todos os bons filmes de ação com uma personagem feminina forçada, ou um romance desnecessário para conquistar mais 3 milhões de espectadoras. Isso já aconteceu. E o problema não é saber se Hollywood terá a audácia de remover o nome de uma franquia chamada Mad Fu**ing Max, substituindo-a com uma personagem feminina impossível para bajular o feminismo. Isso já aconteceu".

Esses ativistas insanos reclamam de terem sido enganados! Quando viram o cartaz do filme de ação, tinham certeza que seria apenas uma história de músculos e testosterona, mas se depararam com a grande personagem Furiosa (Charlize Theron), que luta como qualquer homem, e inclusive dá ordens a Max (Tom Hardy). Dá para acreditar? A grande maioria dos filmes de ação têm homens em posições principais, deixando as mulheres em papéis secundários, mas este grupo se sente ameaçado! 

Pode ser que o MRA esteja apenas se promovendo com esse caso. Caso esteja levando a crítica a sério, eles só mostram como um filme excepcional (e de ótima qualidade) consegue irritar pessoas que pretendem manter seus privilégios e desigualdades sociais. Que venham mais Furiosas, Katniss, Ripleys, Tris, Sarah Connor, Lara Croft, Alice, Viúva Negra e muitas outras!

MSN NOTÍCIAS

 

 

          Resultado de imagem para mad max 2015 FOTO/REPRODUÇÃO INTERNET

 

 

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!