Governo anuncia concurso para 150 vagas de agentes penitenciários no PI

28/11/2015 11:14

Edital deve ser homologado até o dia 15 de dezembro deste ano.
O baixo número de servidores é uma reclamação antiga do Sinpoljuspi.

Secretário de Justiça falou sobre prioridades do governo para o sistema prisional (Foto: Catarina Costa / G1)Secretário de Justiça anunciou realização de concurso para agente penitenciário (Foto: Catarina Costa / G1)
 

As secretarias de Justiça e de Administração do Piauí anunciaram nesta quarta-feira (18) a realização de concurso público para agentes penitenciários com previsão incicial de 150 vagas. Com o número bem abaixo do solicitado pela categoria, que era de 600 vagas, o edital deve ser homologado até o dia 15 de dezembro deste ano.

O anúncio do novo concurso foi feito durante reunião entre as secretarias e o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), e após um mês da Associação Geral do Pessoal Penitenciário do Estado entrar com ação cobrando o certame. Em resposta na época, o secretário de Justiça do Piauí, Daniel Oliveira, alegou que o estado estava no limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e o concurso sairia apenas em 2016.

Diretor administrativo do Sinpoljuspi Kleiton Holanda (Foto: Catarina Costa/G1) Vice-presidente do Sinpoljuspi falou sobre necessidade de concurso (Foto: Catarina Costa)

Nesta quarta-feira, o secretário Daniel Oliveira comemorou o anúncio oficial do concurso. "É mais um avanço para a categoria e para o estado. Temos analisado, junto com o governador Wellington Dias e os secretários de Administração e da Fazenda, os melhores caminhos para que possamos atender às necessidades dos piauienses", pontuou.

Para o governador Wellington Dias, as áreas de segurança pública, saúde, educação e justiça receberão atenção especial nos investimentos, tendo em vista sua importância para o desenvolvimento social, e o concurso para agentes atende a essa demanda prioritária.                               

Em julho deste ano, o governo chegou a promover 55 agentes penitenciários. A Comissão Central de Avaliação e Promoção da Secretaria de Justiça do Piauí já apresentou documento para promoção de mais 200 servidores da Sejus.

Denúncia antiga
O baixo número de servidores é uma reclamação antiga do Sindicato dos Agentes Penitenciários da Secretaria de Justiça do Piauí (Sinpoljuspi). Segundo a entidade, a pouca demanda de profissionais atinge todos os presídios do estado,

"A realização de um concurso para agentes é urgente. Não tem condição de seis pessoas por plantão cuidarem de mais de 400 presos. Todos os dias nós somos ameaçados pelos presos e corremos risco de morrer. Os presídios têm um conjunto de problemas que facilita as fugas", declarou o vice-presidente do Sinpoljuspi, Kleiton Holanda.

Da redação G1.com

 
 
 
 
 

 

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!