Esportes

06/12/2015 16:42

Guga relembra como se tornou vítima da obsessão pelo posto de número 1

Na semana em que completou 15 anos da conquista do título de maior tenista do mundo, Gustavo Kuerten relembra o caminho cheio de dramas até a vitória

 

Guga EE (Foto: Reprodução / Esporte Espetacular)Guga EE (Foto: Reprodução / Esporte Espetacular)

"Eu acho que posso ser o número um do mundo", estampava o cartão postal que o menino Gustavo enviou para a família direto de Paris quando ainda tinha 15 anos. Naquela época, Guga estava na Cidade Luz para uma competição, com dinheiro contado e passando por todos os perrengues que um iniciante poderia atravessar. Mesmo assim, acreditava cegamente em seu potencial. 

- Esse cartão que eu escrevi é um imenso absurdo, porque se ele não existisse ninguém me convenceria que aquilo era verdade - relembra Guga. 

Apenas oito anos anos depois daquele cartão, ele já uma estrela de primeira grandeza, o bicampeão de Roland Garros e capaz de alcançar sua profecia de adolescente. Entretanto, tinha pela frente seu maior adversário: seus próprios limites. Guga se tornava vítima da obsessão pelo posto de número um do mundo.

 No final de agosto, US Open, praticamente bateu na minha porta: "tá aqui, número um".  E, ali, eu me compliquei, perdi na primeira rodada. Mesmo sem jogar muitos jogos, a cabeça não me dava paz. Esse acúmulo de "quase" começa a criar fantasmas imaginários, e vem o questionamento: será que se fosse pra ser número um já não era pra ter sido naquela primeira? Ficava, cadê, cadê aquela minha chance de novo? Era um cenário de tristeza, de desilusão e eu, número 2 do mundo. Só que, pra mim, ao mesmo tempo que era gigantesco era pouco - revela. 

Em entrevista ao repórter Fellipe Awi, para o Esporte Espetacular, Guga relembrou o caminho cheio de dramas e reviravoltas desde o primeiro jogo no Master Cup em dezembro de 2000, em Lisboa, até o dia em que foi consagrado como o tenista número um do mundo.

Por Victor Simão - DA REDAÇÃO ESPORTE ESPETACULAR 

 

 

—————

27/09/2015 23:53

Salgueirense finaliza no primeiro round e vence luta no Shooto Brasil 57

12065530_625586040877928_6005044832573327017_n

Em sua estreia em um dos maiores eventos do MMA no país, o Shooto Brasil 57, realizado na noite deste domingo (27) no Clube Hebraica, no Rio de Janeiro, a salgueirense Anne Ferreira representou o Sertão pernambucano de forma espetacular. Vestindo a camisa do Salgueiro Atlético Clube (SAC), Anne conseguiu finalizar a luta contra a adversária Marcia Oliveira já no primeiro round e faturou a luta.

Com 28 anos de idade, 12 dedicados ao jiu-jitsu, Anne decidiu migrar para o MMA este ano, para competir na categoria peso átomo. Antes de entrar no MMA, a salgueirense lutava na arte suave, na faixa marrom do peso pluma e coleciona vários títulos, como o Bicampeonato Mundial e Brasileiro, Campeã Panamericana e Heptacampeã Pernambucana.

A luta desta noite foi transmitida para todo o Brasil pelo canal te TV pago SporTV, através do canal Combate. Mais uma atleta que é motivo de orgulho para o município de Salgueiro.

Por Victor Simão - DA REDAÇÃO BLOG ALVINHO PATRIOTA

—————

15/09/2015 23:22

“Faceirinho” com melhor ataque, Tite espera findar série defensiva do Inter

Tite sorriu ao ser chamado de “estatístico” por seu crescente apego aos números e citou outros adjetivos que o acompanharam na carreira. O técnico do Corinthians recordou um deles, dos tempos de Caxias, que gostaria de ouvir novamente pelo bom momento ofensivo alvinegro.

“Faceiro, faceirinho. Ganhamos de 3 a 0 com o Caxias, falaram que era uma equipe faceirinha. Com o Inter, fizemos 7 a 0 no primeiro tempo, falaram: ‘Joga muito faceiro’. Com o Grêmio, fizemos 3 a 1 no Corinthians: ‘Joga muito alegre’”, disse, afetando um largo sorriso.

Não foi “faceiro” o adjetivo mais usado para qualificar Tite ao longo dos anos. Mesmo com sua equipe tendo assumido o posto de ataque mais positivo do Campeonato Brasileiro, ele se vê obrigado com frequência a rebater os comentários de que adota um estilo pragmático e defensivo.

"Empatite" não é a palavra de que Tite mais gosta (foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)“Empatite” não é a palavra de que Tite mais gosta (foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

“Falaram que era faceiro porque fazia muito gol. Depois, retranqueiro. Depois, que não batia título”, afirmou o gaúcho, habituado também à palavra “empatite”. “Já estou calejado para o que vier. Está tudo no conjunto, no todo da minha carreira. Tudo o que vem faz parte.”

Tite espera que a noite de quarta-feira, em Porto Alegre, faça voltar à tona o velho adjetivo. Será necessário que Malcom, Vagner Love e seus companheiros estejam faceirinhos diante do Internacional, que não sofreu gol em nenhuma das últimas seis partidas disputadas no Beira-Rio.

Por Victor Simão - DA REDAÇÃO GAZETA ESPORTIVA

 

—————

30/08/2015 00:32

Zagueiro Salgueirense Assina Com Clube Espanhol

Aderlan vai reforçar o Valencia

 

O Valencia acertou a contratação do zagueiro brasileiro Aderlan Santos, que atuava no português Braga, em contrato de cinco anos, anunciou o clube espanhol nesta quinta-feira.

O Valencia, que se classificou para a fase de grupos da Liga dos Campeões na terça-feira, quando venceu o confronto contra o Monaco, precisava reforçar sua defesa depois que vendeu o argentino Nicolas Otamendi para o Manchester City na semana passada.

"Estou muito feliz e honrado por assinar com um grande clube europeu", disse o pernambucano Santos no site do Valencia.

"Jogar a Liga dos Campeões e o Campeonato Espanhol são metas importantes para mim", acrescentou o jogador de 26 anos.

O Valencia e o Braga não revelaram os termos financeiros do acordo.

 

Link permanente da imagem incorporada

Por Júlio Cesar- Redação goal.com

—————

29/08/2015 23:11

Tricolor Paulista Bate a Ponte Preta e Entra No G-4

 

 

O São Paulo entrou no G-4 do Brasileirão, pelo menos até o início dos jogos de domingo. Na noite deste sábado a equipe treinada por Juan Carlos Osorio venceu a Ponte Preta por 3 a 0 no Morumbi em jogo que teve atuação de destaque do meia Paulo Henrique Ganso: marcou um gol e deu uma assistência. A vitória faz o São Paulo ocupar pelo menos temporariamente a quarta posição do Brasileirão, com 34 pontos, ainda podendo ser ultrapassado por Palmeiras e Fluminense neste domingo.

Os outros gols do jogo foram marcados por Michel Bastos e Wilder Guisao - o atacante colombiano fez o primeiro com a camisa do São Paulo. A derrota deixa a Ponte Preta na 12ª posição do campeonato nacional, com 27 pontos.

Outro que teve atuação de destaque, além de Ganso, foi Alexandre Pato. O atacante deu assistência para Wilder e ficou perto de marcar em outros dois momentos. Pato teve a companhia no ataque de Michel Bastos, de volta ao setor ofensivo devido ao desfalque de última hora de Carlinhos.

 

Por Júlio Cesar-Redação Guilherme Palenzuela Do UOL, em São Paulo

 

—————

29/08/2015 22:51

Empresário de Gabriel do Santos, revela proposta milionária do Fenerbahçe

Empresário de Gabriel, do Santos, revela proposta milionária do Fenerbahçe

 

 

A relação entre Gabriel e Santos deve ser testada neste fim de semana. O jovem atacante, de 18 anos, recebeu proposta de 20 milhões de euros (R$ 80 milhões) do Fenerbahçe, segundo empresário do atleta.

Wagner Ribeiro, agente de Gabriel, revelou em mensagem pelo Twitter a proposta milionária do Santos por Gabriel. O empresário deixou ainda uma pergunta: "Santos resistirá?"

Grande aposta da base do Santos depois da saída de Neymar, Gabriel conquistou um feito muito raro. Com apenas 18 anos, o atacante já ultrapassou a marca dos 100 jogos como profissional pelo clube. Foram 107 no total, 77 como titular, com 35 gols marcados.

No momento, Gabriel passa por uma fase especialmente boa. O atacante marcou nos últimos três jogos, dois deles pela Copa do Brasil contra o rival Corinthians.

A janela de transferências encerra nesta segunda-feira. O Santos não pretendia se desfazer do atleta em 2015. Cabe saber se o dinheiro do Fenerbahçe não será o suficiente para mudar a ideia dos dirigentes alvinegros.,

 

 

 

Por Júlio Cesar- Redação ogol.com.br

—————

29/08/2015 22:49

Palmeiras Acerta Venda De Leandro Pereira Por R$ 14 Milhões

Leandro Pereira empatou para o Palmeiras

 

O acordo fechado por 3,5 milhões de euros (R$ 14 milhões) tirou o atacante do Palmeiras que está de malas prontas para jogar no futebol Belga,a Transação vai dar 50% deste valor ao Palmeiras,O jogador viaja hoje para fazer exames médicos e finalizar a transferência.
 
Após ter bom desempenho no Brasileiro de 2014 com a Chapecoense, Leandro Pereira foi procurado por grandes clubes do futebol nacional. O Palmeiras levou a melhor e acertou um contrato de cinco anos com o atacante, pagando R$ 5 milhões. Com a nova transação, o time paulista então lucrará R$ 2 milhões.
 
No palmeiras, Leandro Pereira anotou 10 gols em 30 jogos, mais com a chegada de Barrios e Alecsandro o atacante perdeu espaço.No Campeonato Brasileiro, contudo, o centroavante, apelidado de ‘Banana' em Santa Catarina, marcou gols importantes contra Sport, Santos e São Paulo.
 
Agora, o técnico Marcelo Oliveira conta com três centroavantes. Além de Barrios e Alecsandro, Cristaldo também pode exercer a função. Nos últimos jogos, Barrios foi o escolhido pelo treinador, e, neste domingo, deve atuar ao lado de Gabriel Jesus e Dudu para encarar o Joinville na Allianz Parque.
 
 
Por Júlio Cesar- Redação SALGUEIRO NOTÍCIAS

—————

24/08/2015 23:45

Com Neymar 'prioridade', Barcelona descarta venda por recorde: quase R$ 800 milhões

Na 50ª edição do Troféu Joan Gamper, Barcelona é recepcionado com fogos de artifício e show de luzes

 

O Barcelona não quer vender Neymar. Nem por muito dinheiro. Nem pelo maior valor da história do futebol - 190 milhões de euros, ou quase R$ 800 milhões, oferecidos pelo Manchester United.

O caminhão de dinheiro não mudará os planos da diretoria do clube catalão por uma série de motivos. O maior deles: Neymar faz parte dos planos de longo prazo da equipe.

O valor oferecido pelos ingleses é igual ao da multa rescisória do atual contrato, que vai até 2018. Só que a renovação do acordo é a prioridade do orçamento do clube nesta temporada; o novo contrato revisará os valores salariais, deve durar até 2020 e terá uma multa ainda maior: cerca de 250 milhões de euros, mesmo valor da multa de Messi.

Em contato com o ESPN.com.br, um diretor do clube catalão afirmou que não há qualquer hipótese de Neymar ser vendido antes do fim de seu contrato. Pessoas próximas ao jogador também negam qualquer intenção dele de deixar a cidade.

 

O brasileiro, a princípio, não deseja sair tão cedo do time da Catalunha, pois está feliz na cidade, tem os amigos sempre por perto e se adaptou à região. Mas as conversas para atualização de seu contrato com o Barça, iniciadas no primeiro semestre do ano, estacionaram há algumas semanas. O camisa 11 deseja renovar o vínculo e receber uma valorização.

Neymar chegou a Barcelona em junho de 2013 e desde então tem se mostrado cada vez mais integrado ao clube e à cidade.

O idioma - no início uma barreira grande na comunicação - deixou de ser um problema; a amizade com Messi e Luis Suárez se fortaleceu com títulos na temporada passada; ele já é ídolo da torcida - apenas Messi tem o nome mais gritado no Camp Nou. Por tantos motivo, uma mudança de áreas agora não está nos planos do jogador.

 Por Júlio Cesar- Redação ESPN.com.br

—————

24/08/2015 23:41

Ex-F1 e vencedor de sete corridas na Indy, Wilson morre aos 37 anos em decorrência de acidente em Pocono

  • Em 2011, pela Dreyer & Reinbold, Justin Wilson correu pelas ruas do Circuito do Anhembi (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Morreu nesta segunda-feira (24), em Allentown, nos Estados Unidos, o piloto inglês Justin Wilson. Competindo pela Andretti nas 500 Milhas de Pocono, disputadas na tarde de domingo, Wilson foi atingido na cabeça por um pedaço de carenagem que foi lançado de volta à pista no acidente iniciado por Sage Karam.

Wilson foi transportado de helicóptero para o hospital após o acidente, e horas mais tarde um comunicado divulgado pela Indy informou que ele estava em coma e em estado grave. A 'Associated Press' e a NBC já confirmaram a informação e a Indy fez o anúncio oficial às 22h15 (de Brasília).

"Em nome da família Wilson, é com profunda tristeza que anunciamos que Justin Wilson morreu em decorrência da lesão que sofreu na cabeça ontem em Pocono. Ele faleceu na companhia de sua família, de seu irmão Stefan e sua esposa. Como sabemos, a indústria das corridas é uma grande família. Vamos oferecer o apoio que eles precisam durante este período. Sua falta será sentida. Gostaria de agradecer em nome da família, da Indy e da Andretti, à equipe médica da Holmatro e aos médicos. Particularmente, a família de Wilson gostaria de agradecer aos colegas de pista dele", declarou Mark Miles, CEO da IndyCar.

O piloto Ed Carpenter também esteve presente junto de Miles. "Estou aqui em nome dos pilotos da Indy. Dias como estes são extremamente difíceis. Gostaria de enviar minhas sinceras condolências à família de Justin. Obviamente ele foi um grande profissional, extremamente bem, e fora isso, era um cara incrível. Um dos poucos que realmente era amigos de todos no paddock", afirmou.
 

 

A categoria não respondeu perguntas e disse que voltará a se manifestar a respeito do acidente e dos próximos passos nos próximos dias.

Karam liderava a corrida, mas perdeu o carro, rodou e bateu na barreira de segurança. Enquanto deslizava pela pista, a Andretti de Wilson cruzou a imagem e bateu de frente, com o bico na barreira.

Apenas na repetição aberta da imagem, ficou claro o que tinha acontecido. Wilson, ex-F1 e com experiência na F-E, foi atingido de forma fortuita pela carenagem. Aparentemente sem consciência, bateu. O impacto aconteceu exatamente às 18:43 (horário de Brasília). Depois, foi levado ao centro médico da pista, somente para a avaliação resolver levá-lo de helicóptero para o hospital Valley Health Network Cedar Crest em Long Pond.

A prova terminou com vitória de Ryan Hunter-Reay, mas em meio a um clima bem sombrio. Nem confetes foram jogados no victory-lane, nem Michael Andretti, chefe de Hunter-Reay e Wilson, parecia nada contente com a vitória. Tony Stewart, tricampeão da Nascar, deixou seu helicóptero à disposição para que a família de Wilson viajasse ao estado da Pensilvânia (Wilson vivia com sua esposa no Colorado)

Wilson é o primeiro piloto a morrer na Indy desde Dan Wheldon, também inglês, que perdeu a vida em um acidente múltiplo no oval de Las Vegas na última etapa da temporada 2011. Aquela foi também a última prova do antigo carro da Indy. Em 2012, a categoria introduziu o DW12, fabricado pela Dallara e nomeado em homenagem a Wheldon, e nenhuma fatalidade havia acontecido.

Outra coincidência diz respeito à ligação de ambos com a equipe Andretti. Embora estivesse correndo pela Schmidt em Las Vegas, Wheldon, vencedor das 500 Milhas de Indianápolis daquele ano, retornaria para o time de Michael Andretti no ano seguinte. Dan foi campeão da Indy pelo time em 2005.

Na carreira nos monopostos norte-americanos, Wilson conquistou sete vitórias, quatro na CART e três na fase da IndyCar. O último triunfo foi no Texas, em 2012, correndo pela Dale Coyne. Ele deixou a equipe no fim do ano passado e voltou a competir em regime parcial pela Andretti neste ano. Para mim, o que Justin passou nos últimos dois anos e como trabalhou duro para voltar neste ano, os resultados que teve com a Andretti eu acho que exemplificam o motivo pelo qualf azemos isso. Ele trabalhou muito duro para conseguir voltar. E é por isso que vou voltar a competir em seu nome em um futuro próximo", acrescentou Carpenter.

Wilson também teve passagem pela F1. Em 2003, disputou a primeira parte da temporada pela Minardi e, para as últimas cinco etapas da temporada, foi contratado pela Jaguar para substituir o brasileiro Antonio Pizzonia. Pelo time, chegou em oitavo no GP dos Estados Unidos e marcou seu único ponto no Mundial.

Ele deixou mulher e duas filhas.

Segundo o jornalista Dave Calabro, da NBC de Indiana, a família pediu para que o anúncio fosse feito diretamente do local favorito de Justin: o Indianapolis Motor Speedway.

 

Por Júlio Cesar -Redação 

 

—————

21/08/2015 09:31

Luis Fabiano torce joelho, deixa Morumbi mancando e preocupa

 

  • Luis Fabiano disputa lance durante jogo contra o Ceará pela Copa do Brasil 2015

Além da derrota por 2 a 1 para o Ceará na noite desta quinta-feira, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, o torcedor do São Paulo tem mais um motivo para dormir de cabeça cheia. Luis Fabiano torceu o joelho esquerdo, deixou o Morumbi mancando e a situação preocupa.

O lance aconteceu ainda no primeiro tempo. Mancando na saída para o intervalo, o centroavante nem voltou para a etapa final e foi substituído pelo estreante Wilder Guisao.

Após a partida, as câmeras de televisão flagraram o jogador deixando o estádio mancando muito e com dificuldades para entrar no próprio carro. Uma ressonância magnética deve ser realizada nesta sexta-feira para detectar a gravidade do problema.

Vale lembrar que Luis Fabiano tem contrato com o São Paulo até o fim de 2015 e a diretoria não sinalizou com uma renovação. Caso tenha sofrido uma lesão de ligamento, é possível que o atacante não vista mais a camisa tricolor.

 

 

Por Julio Cesar - Redação ESPN.com.br

—————



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!